A partir de hoje o Corpo de Bombeiros da AHBVSBA ganha novos Voluntários

Apesar da “estranha forma de vida” que todos vivemos, a Vida continua.

E no quartel de Bombeiros de São Brás de Alportel viveu-se ontem, ao cair da noite, mais um momento que tem vindo de gerações em gerações a dar sentido à existência da Missão de socorro e salvamento desde há quase 94 anos: o ingresso de seis novos bombeiros voluntários.

Pelas exigências vividas neste momento de pandemia pela COVID 19, a sessão foi breve e, seguindo a leitura de uma Ordem de Serviço, foi dirigida a seis (6) novos elementos de uma turma que integra estagiários de 3 incorporações 2018 a 2019. Um ato que fechou assim um ciclo de experiências, preparação, muita formação e vivências que só foi possível pelas equipas de excelência que o Corpo de Bombeiros dispõe.

Fardados com o Equipamento de Proteção Individual de incêndios florestais, os novos bombeiros foram investidos, tendo recebido as insígnias e os capacetes, entregues pelos elementos de Direção, Comando e chefias CB  e Presidentes da Assembleia Geral, Conselho Fiscal e Presidente da Junta e Presidente da Câmara Municipal, os quais deixaram a todos os jovens elementos uma palavra de carinho e parabéns pela resiliência e humanismo manifestado ao abraçarem esta vontade para com uma Missão Humanitária, tão especial.

A Direção, “expressa a todos, também desta forma pública, à Betsabé, ao Filipe e Tiago, um obrigado, é uma bênção a sua presença, e à Sandra, ao Clayton e ao Eusébio o nosso muito obrigado pela sua opção e o terem vindo até nós.”

A sessão terminou com o tradicional batismo de mangueira, na parada, mais uma prova de resistência para um trabalho tão duro e que os novos Bombeiros de 3ª abraçam em pleno período de pandemia. A Missão do CB, de cerca 56 voluntários, fica assim com certeza mais fortalecida, porque cada recurso humano, cada Homem e Mulher marca a diferença em qualquer organização.

MUNICÍPIO DE SÃO BRÁS DE ALPORTEL REFORÇOU O APOIO AOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS PARA FAZER FACE A ANO DE PANDEMIA

Assegurar a missão dos Soldados da Paz, de que depende a segurança e o bem estar de toda a comunidade é uma Prioridade Maior para o Município de São Brás de Alportel.
Tendo por base este princípio, no final de um ano marcado pela pandemia, que trouxe à Corporação de Bombeiros de São Brás de Alportel um duro desafio para manter o seu equilíbrio financeiro e fazer face à sua missão diária, dada a redução drástica de receitas e o crescente avolumar de despesas, o Município tomou a iniciativa de realizar todos os esforços para reforçar o apoio aos Soldados da Paz, mediante a atribuição de um subsídio extraordinário de 35.000€.
O executivo municipal são-brasense aprovou, por unanimidade, em reunião de câmara, uma proposta de reforço do apoio à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel, mediante a atribuição de um apoio extraordinário, que visa ajudar a associação a prosseguir a sua missão num momento particularmente difícil. Esta verba veio reforçar o apoio anual de 250.000 € atribuído pelo município à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários, no âmbito do protocolo de cooperação integrado no Plano Municipal de Apoio ao Associativismo.
O apoio agora concedido é também sinal de reconhecimento pelo trabalho realizado pela Associação Humanitária e pelo Batalhão de Soldados da Paz, guardiões da comunidade são-brasense.